• Rodrigo Ceregatti Franco

Primeiros apontamentos sobre metodologia

É possível perceber aqui que há maneiras de se construir um texto de conhecimento sociológico a partir dos dois posts a seguir. Mas primeiro, é necessário ter em mente o que penso a respeito de conhecimento sociológico.


Quando falo em conhecimento sociológico estou evocando uma categoria trabalhada por Wright Mills em 1959 chamada de 'imaginação sociológica'. Está presente nesta dimensão de pensamento toda a malha de relações entre sujeitos e instituições que surgem do apontamento de fatos. Por exemplo:


durante o período de Guerra Fria, o mundo polarizava-se em três frentes: primeiro e segundo mundo lutavam para afirmar uma ideologia dominante - capitalismo ou comunismo. Enquanto isso o terceiro mundo, composto pelo conjunto de países subdesenvolvidos sofria com a exploração econômica imposta pela disputa dos modelos anteriores.


Os EUA, construidos sobre uma história de lutas armadas e revoluções entrava em guerra com o Vietnã. Fruto das consequencias do mundo em guerra, há também a cisão das duas Coréias. Coreia do Norte e Coreia do Sul, divididas pelas tais ideologias assinam um armstício em 1953. Em 2013, entretanto voltam a entrar em guerra devido a realização do terceiro teste nuclear por parte da ditadura do norte.


A imaginação sociológica aqui proposta é o elo, é o esboço de uma malha complexa de relações por de trás da história, cujo fator comum está na condição humana. Perceba nos próximos posts a maneira de organizar algumas ideias de maneira a criar uma malha de relações para estudo e análise.


Quando, como, onde, por que... agora é hora de escrever!!!